A Copa do Mundo e o significado do esporte

Por que praticamos esportes?

Para desenvolver o sentimento de companheirismo;

Para servir a humanidade.

 

Por que assistimos esportes?

Para obtermos inspiração, entusiasmo,

Alegria e coragem.

-Sri Chinmoy

 

Fonte: http://www.srichinmoylibrary.com (original) e https://poemasfrasesemensagens.com/2018/05/01/poesia-do-mes-maio/ (imagem)

 

O exercício organiza nossas ações, traz saúde ao corpo, alegria à nossa mente, e essas coisas fazem-nos preciosos aos nossos amigos.

Thomas Jefferson, autor da Declaração de Independência, 3º Presidente dos EUA

 

O esporte tem a capacidade de nos unir e mostrar o que temos em comum.

Ban Ki Moon, Secretário-Geral da ONU

 

O esporte não é apenas uma forma de entretenimento, mas também uma ferramenta para comunicar valores que promovem o bem que está nos seres humanos e construir uma sociedade mais pacífica e fraterna. … O futebol demonstra a necessidade de treinar e trabalhar duro para alcançar metas, a importância do trabalho em equipe e de jogar limpo, a necessidade de respeitar e honrar oponentes.

Papa Francisco

 

Fonte: United Nations Association of Canada

 

Citações do livro Markings, diário pessoal do segundo Secretário-Geral da ONU, Dag Hammarskjold

Citações do livro Markings, diário pessoal do segundo Secretário-Geral da ONU, Dag Hammarskjold

 

“When you have reached the point where you no longer expect a response, you will at last be able to give in such a way that the other is able to receive, and be grateful. When Love has matured and, through a dissolution of the self into light, become a radiance, then shall the Lover be liberated from dependence upon the Beloved, and the Beloved also be made perfect by being liberated from the Lover.”

 

“To have humility is to experience reality, not in relation to ourselves, but in its sacred independence. It is to see, judge, and act from the point of rest in ourselves. Then, how much disappears, and all that remains falls into place.

In the point of rest at the center of our being, we encounter a world where all things are at rest in the same way. Then a tree becomes a mystery, a cloud a revelation, each man a cosmos of whose riches we can only catch glimpses. The life of simplicity is simple, but it opens to us a book in which we never get beyond the first syllable.”

Um Hino às Nações Unidas

Um Hino às Nações Unidas

 

Alegre, ó músico,

Toque as suas cordas

Para que possamos cantar.

Elevados, suplicantes,

Nossas vozes diversas

Misturando-se,

Jovialmente disputando

Não interferindo,

Mas coexistindo,

Pois tudo dentro

Do cinturão

do som

É solo sagrado,

Onde todos são irmãos,

Não há Aqueles sem face,

E mortais atentos

Às palavras, pois

Com palavras mentimos,

Podemos dizer paz

Quando queremos guerra,

Maus pensamentos bem ditos

E promessas falsamente feitas,

Mas a canção é genuína:

Que a música pela paz

Seja o paradigma,

Pois paz significa mudar

Na hora certa,

Como o Relógio-Mundo

Faz tique e taque.

Que a história

Da nossa cidade humana

Hoja mova-se

Como música, onde

Notas criadas

Novas notas criam

Fazendo do fluxo

Do tempo um crescente

Até o que poderia ser

Por fim seja,

Onde mesmo a tristeza

É uma forma de alegria,

Onde o destino é a liberdade,

Graça e Surpresa.

-W.H. Auden (em tradução)

Music: Pablo Casals Words: W.H. Auden

Cartilha das Nações Unidas

[Buscar] reafirmar a fé nos direitos humanos fundamentais, na dignidade e valor da pessoa humana, nos direitos iguais dos homens e mulheres e nações grandes e pequenas, e estabelecer condições sob as quais a justiça e respeito às obrigações oriundas dos tratados e outras fontes de lei internacional possam ser mantidos, e promover progresso social e melhores padrões de vida em maior liberdade.

-Trecho da Cartilha das Nações Unidas

Sri Chinmoy e as Nações Unidas

Neste mundo, vemos pessoas que apenas fala, outros que fala e então agem, outras que falam e agem ao mesmo tempo, e ainda há outras que apenas agem e deixam que os outros falem por si. Por fim, há um tipo de pessoa que apenas age, por consagração à ação divina. Tal é a categoria suprema. Sem a menor hesitação, digo que as Nações Unidas pertencem a essa categoria. Eu não conheço as realizações exteriores da ONU. Mas, sendo um buscador da Verdade altíssima que reside no mundo interior, que vê e sente e sabe o que as Nações Unidas estão fazendo, sou perfeitamente familiar com as conquistas interiores das Nações Unidas.

-Sri Chinmoy

Mensagens dos Secretários-Gerais das Nações Unidas – U Thant

Tenho certas prioridades quanto às virtudes e valores humanos… eu devo associar uma importância maior às qualidades ou virtudes morais do que às qualidades ou virtudes intelectuais  – qualidades morais como amor, compaixão, compreensão, tolerância, a filosofia de viva e deixe viver, a habilidade de entender o ponto de vista dos outros, que é a chave para todas as religiões…. e acima de tudo, eu colocaria a maior importância aos valores espirituais, às qualidades espirituais.

-U Thant, Secretário-Geral da ONU