27 de abril: A Luz no Fim do Túnel – meditação diária matinal

no-act-kindness-ranjit

A sua paciência devotada é o primeiro degrau da sua frutífera escada-paz.

O mundo está ainda a milhões de milhas distante da paz mundial. Mas, apenas porque não vemos a realidade toda de uma só vez, isso não é razão para ficarmos desencorajados. Antes de o dia raiar, fica escuro. Quando olhamos para a escuridão que está em nossa volta e nos identificamos com ela, nos é quase impossível termos fé no fato de que haverá luz. Mas há luz no fim do túnel. No fim da escuridão há luz.

Devido sua mente ser serena e calma,

A sua esperança de promover a paz-mundial

Não permanecerá um sonho não realizado.

 

Do livro de Sri Chinmoy, A Jornada Alma da Minha Vida – Meditações diárias para inspirar as suas manhãs em todos os dias do ano

Deixe um comentário ou contribua com um poema

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s