02 de janeiro: A Porta Interior e a Satisfação Divina – meditação diária matinal

harita-snow-capped-mt

A vida tem uma porta interior. A aspiração abre-a. O desejo fecha-a. A aspiração abre a porta por dentro; o desejo fecha-a por fora.

 

Se aspiramos por nos tornarmos grandes, então, a nossa aspiração não é aspiração verdadeira. Se aspiramos por nos tornarmos bons, a nossa aspiração é aspiração divina e verdadeira. Bondade é a meta da aspiração verdadeira. Grandeza é competição constante; nela não há satisfação. Através de mera competição nunca poderemos alcançar a satisfação. Todavia, se nos tornarmos bons, se nos tornarmos instrumentos divinos de Deus, alcançaremos a satisfação, muito além do alcance da nossa imaginação.

 

Pode-se sonhar com o horizonte.

Pode-se construir um novo mundo.

Mas não se esqueça,

Foi o coração da Mãe-Terra

Quem lhe conferiu a si, a luz-inspiração

E a aspiração-deleite.

 

Do livro de Sri Chinmoy, A Jornada Alma da Minha Vida – Meditações diárias para inspirar as suas manhãs em todos os dias do ano. 

 

 

 

Deixe um comentário ou contribua com um poema

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s